Como colocar preço em seu produto?

Um dos principais dilemas de todo empreendedor na hora de abrir e gerenciar um negócio é a hora de colocar preço em seu produto ou serviço.

Se você pedir um valor muito alto, é capaz que os consumidores optem pelo concorrente. Caso cobre pouco, sua margem de lucro será mínima e os clientes podem desconfiar da qualidade.

A precificação é um fator chave para se fazer negócios – independente do segmento. Por isso, não encare a precificação do seu produto como algo imutável: Adapte-o conforme os resultados.

cta-confere

Aqui vão algumas dicas rápidas na hora de elaborar uma estratégia de precificação dos seus produtos.

1. Estude seu mercado:

Sim, você precisa analisar e descobrir duas coisas:

  • O quanto os seus clientes pagam por um determinado produto ou serviço
  • O quanto seus concorrentes cobram. É imprescindível que você estude os preços da concorrência. Estar sempre atento a eles é fundamental, já que, dependendo do tamanho do seu concorrente (caso ele seja maior que você), ele terá influência o suficiente para forçar você a seguir os preços dele, de acordo com o mercado. A dica aqui não é decorar a precificação de todo o seu concorrente, e sim descobrir em quais produtos você deve manter um preço parecido (aqueles produtos que chamam o cliente para a sua loja) e em quais produtos você pode aumentar a sua margem.

Você pode optar por diversas estratégias de preço, igualar ou superá-los, basta ter certeza de que todos seus custos diretos estarão seguros.

2. Estratégia de preço:

Já ouviu em falar “Cost-plus pricing”? É uma técnica de fixação de preços. O preço da venda é determinado pela adição de um percentual (margem) para definir o valor, ou seja, um método de precificação alternativa.

3. Conheça seus custos:

é primordial listar todos os seus custos diretos, fixos (despesas gerais, como aluguel, taxas e salários) e variáveis (materiais, embalagens e assim por diante).

4. Considere uma margem de preço:

Você vai sim precisar adicionar uma margem para o seu negócio. A experiência, a rotina ajudará a decidir qual será essa margem. Caso o preço esteja muito alto, é hora de rever seus custos, mas esteja ciente das limitações financeiras. Em sua maioria, lidamos com hipóteses.

5. Defina um preço baseado em valor:

Por exemplo, o custo para trazer um secador de cabelo para o mercado é $ 10, mas você pode cobrar $ 25, caso esse seja o valor de mercado.

6. Encontre outras influências:

Pode ser necessário calcular preços diferentes para variados locais, mercados, caso você faça vendas online.

7. Mudança constante:

raramente os preços são fixos por muito tempo. Os custos, os clientes e concorrentes mudam o tempo todo. Por isso acompanhe o mercado e esteja atento sempre as novidades para garantir que seus preços permaneçam ideias.

cta-confere

Fechar Menu